Dentista para gatos - problemas mais comuns


Problemas Comuns em Pacientes Felinos

Os felinos não são "pequenos cães". São outra espécie !!! E, portanto, apresentam algumas características e peculiaridades dentro da Odontologia Veterinária.


Obs: consulte em SERVIÇOS e conheça todos os problemas em que o DENTISTAVET pode te oferecer a solução. 

Complexo Gengivite Estomatite Faringite (CGEF)

Se você não escova os dentes do seu gato, forma-se uma pelicula sobre os dentes (placa bacteriana), que com o passar dos dias, promove a inflamação da gengiva (gengivite). Da mesma forma que em humanos, alguns gatos podem apresentar a gengivite nos primeiros dias de acúmulo da placa e outros podem apresentar inflamação dias depois, ou seja, é resposta individual do paciente.

Porém, em alguns gatos, esta gengivite é muito agressiva, mesmo com pouca placa bacteriana, a ponto de apresentar até proliferação do tecido inflamado.
Os cientístas ainda não sabem o motivo desta reação de inflamação ser tão agressiva de alguns gatos. Muitos estudiosos relacionam com vírus FIV/FELV, porém isto ainda não está 100% comprovado.


Lesão Reabsortiva dos Felinos (LRF)

Felinos acima de 7 anos de idade podem apresentar a LRF. Assim como o CGEF, ainda não há estudos que expliquem a razão desta doença dentária.

A LRF é caracterizada por uma destruição das estruturas dentárias, na região interna ou externa do dente. A região reabsorvida, muitas vezes, é substituida por tecido (gengival ou ósseo). Em muitos casos, o paciente felino apresenta dor durante a apreensão dos alimentos, ou mesmo mastigação. Muitos proprietários relatam que seus gatos chegam perto do prato e, ao tentar pegar o alimento, fogem em disparada, como se tivessem levado um susto !!!


Fraturas Dentárias em Felinos

Gatos com acesso à rua, quando saem para namorar, alguma vez ou outra entram em brigas. Além disso, saltam de alturas, pulam de árvores, etc. Em todas estas atividades, acidentes podem acontecer. O menor dos acidentes são as fraturas dentárias.

Quando ocorre a fratura dentária, há exposição da polpa, que causa muita dor. Normalmente, nota-se que o felino fica
mais tristão, podendo apresentar salivação e emagrecimento (por não conseguir se alimentar). Como tratamento, além da extração, há uma melhor opção que é o tratamento de canal.



Fraturas de Mandíbula em Felinos

Ainda sobre os passeios do felino em sua vida amorosa, acidentes piores podem acontecer. Quedas de alturas são a principal causa de acidentes buco-maxilo-faciais em gatos. O mais comum são as Disjunções de Sínfise e fraturas na Articulação Temporo-Mandibular, mas em casos de atropelamento, fraturas do ramo da mandíbula são comuns.
O ideal é levá-lo ao clínico-geral o mais rápido possível
para verificar se, além do crânio, outras partes do corpo também podem estar afetadas pelo trauma. Com o paciente estabilizado, o ideal é procurar um especialista em Odontologia Veterinária para resolver este problema. Quanto mais rápido você procurar um especialista, melhores são as chances do seu gato.


   

(11) 2894-2472

Horário de atendimento:
Das 10h00 às 19h00
exclusivamente com hora marcada

Rua Diogo de Faria 1368
Vila Clementino (Vila Mariana)
São Paulo - SP - BRASIL



Para seu Pet

- Vídeos Informativos

- Tornando a escovação agradável

- Escolhendo a escova e pasta

- O que é um Dentista Veterinário ?